Terça-feira, 26 de Junho de 2007
Não vou por aí

vovira


Já disse muita vês que não vou por aí.
E por muito que me digam que não se deve  dizer que dessa "água" não beberei,vou continuar com a minha ,e vou continuar a beber dessa "água". É que nos meus anos
em que ando por este mundo, e já corri muito,por aquilo que tenho visto ,ninguém me consegue demover das minhas convicções
Não,nao irei mesmo por aí.
Ir por aí p`ra mim, é não ser mesquinho,não ser aquele que se diz de sábio,mas sim, ser aquele humilde servo que com a sua humildade consegue ser um ser normal, sem rancores sem pudores sem ter nunca,mas mesmo nunca nada a apontar ao seu semelhante,sendo esse semelhante um ser normal.
E um ser normal o que será?Será,  dedicado/a,que se rege pela natureza,que ao olhar à sua volta vê mais seres,seus semelhantes logo não está só.
Portanto,recuso-me a ficar adormecido,trágicamente cilíndrado,por pessoas ou coisas que me dizem que as suas opiniões são válidas e  as dos outros(leia-se semelhantes) não são práqui chamadas.
Isto a propósito dum tema que apareceu aí num blog sobre  (já nem me atrevo a dizer o nome,panel,e fuf. se é que isso é um nome,é que fiquei com um receio enorme em exprimir a minha opinião).

Caíram-me todas/os em cima a dizer que cada um/a escolhe o amor que quer,tudo bem,mas depois não venham prá praça publica,dizer que são discriminados/as por terem optado por esse tipo de escolha!!!!Não , e eu que até nem vou com essas coisas,tinha logo que me calhar a mim.
Mas pronto.fiquem descansados/as que a partir de hoje vou pura e simplesmente,não opinar a esse respeito,visto, como eu já pensava à muito ser uma área restrita de pessoas ou coisas,que tal como sempre disse e direi,serem aberrações da natureza.
E não fui eu que inventei tal palavra,mas que se adapta na perfeição,lá isso é certo.
Só espero não voltar a ser apedrejado novamente,por exprimir a minha opinião.
Não vos dou mais seca por hoje,mas amanhã cá estarei,e a essas coisas que se melindram com as opiniões dos seus semelhantes.

Como disse,continuarei sempre com sede,e irei até ao fim dos meus dias saciar-me nesse líquido precioso.
Perdoai-me Snhrs/as

Vou deixar-vos com esta frase que é um dos meus lemas preferidos.

O ser humano só vale por aquilo que é,e não por aquilo que tem.
sem mais por hoje,despeço-me de vocês
É que a velhinha já foi á muito.
Abraços e beijos

 

sinto-me: cheio de sono e com fome
música: na tua casa está entrando outro macho.

publicado por velhinhopregasecas às 02:23
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Dezembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


posts recentes

Não vou por aí

arquivos

Dezembro 2009

Fevereiro 2008

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

tags

todas as tags

Conta curiosos
start executive online mba programs
earn an mba degree online
blogs SAPO
subscrever feeds